No YouTube

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Dez discos que completam 25 anos em 2016


1991 foi um grande ano na música alternativa

Mais uma lista com discos aniversariantes, agora com alguns álbuns que completam 25 anos neste ano. Para fugir um pouco do grunge, que dominou o ano de 1991, tentei misturar bandas e estilos ao máximo. Tem mais alguns discos aniversariantes no final do post.


Achtung Baby, do U2

Um novo U2 nasceu no sétimo disco de estúdio da banda. Misturando várias influências, do pop ao eletrônico, eles mostraram a capacidade de ir ainda mais além. Considerado por muitos o melhor disco dos irlandeses. O clássico "One" está aqui.


Blood Sugar Sex Magik, do Red Hot Chili Peppers

Outro disco considerado clássico lançado em 1991. Produzido por Rick Rubin, o quinto trabalho dos Chili Peppers mudou o grupo de patamar para sempre.


Out Of Time, do R.E.M.

"Losing My Religion", "Shiny Happy People", "Near Wild Heaven" e "Radio Song" foram os singles do disco, que tirou o R.E.M. do circuito alternativo para consagrá-lo como grande grupo que virou a partir desse lançamento.


Gish, do Smashing Pumpkins

Antes de o Smashing Pumpkins virar uma colcha de retalhos, o grupo lançou ótimos trabalhos nos anos 1990. Um deles é Gish, clássico para muita gente que era adolescente na época.


Bandwagonesque, do Teenage Fanclub

Para a revista SPIN em 1991, o terceiro trabalho do Teenage Fanclub foi melhor do que Nevermind, do Nirvana. Diz muito sobre duas coisas: a revista e a banda escocesa, uma das melhores do mundo.

Playlist com quase todos os primeiros lugares das paradas de 1991


Just For A Day, do Slowdive

A estreia do Slowdive foi simples: juntaram a mesma pegada dos três primeiros EPs e mandaram ver. Outra banda inglesa que invadiu os Estados Unidos nos anos 1990 para nunca mais sair de lá.


Green Mind, do Dinosaur Jr.

A explosão do rock então alternativo gerou uma corrida atrás de bandas. Muitas tiveram a chance de lançar discos por grandes gravadoras, o caso do já veteranos do Dinosaur Jr. - era o quarto álbum deles.


Mama Said, do Lenny Kravitz

Lenny Kravitz havia lançado um disco em 1988 e explodiu. E o segundo acabou o consolidando como uma revelação com imenso potencial de vendas, exatamente o que aconteceu ao longo dos anos 1990.


No More Tears, do Ozzy Osbourne

Nem é o melhor disco da carreira solo de Ozzy, mas acabou sendo o segundo em número de vendas - atrás de Blizzard of Ozz - e rendeu duas canções bem radiofônicas: "No More Tears" e "Mama, I'm Coming Home".


Arise, do Sepultura

Ao longo dos anos anteriores, o Sepultura foi aprimorando seu som e colocando mais influências, além do metal, nas canções. O resultado foi o ótimo Arise, mostrando uma banda madura musicalmente e com imenso potencial para fazer história.

Mais discos lançados em 1991:
Loveless, do My Bloody Valentine
Temple of the Dog, do Temple of the Dog
Trompe Le Monde, do Pixies
Badmotorfinger, do Soundgarden
Ten, do Pearl Jam 
Nevermind, do Nirvana
Screamadelica, do Primal Scream
Metallica (Álbum Preto), do Metallica

Veja também:
Dez discos que completam 20 anos em 2016
Dez discos que completam 15 anos em 2016
Dez discos que completam dez anos em 2016
Dez discos que completam cinco anos em 2016


Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais! Isso ajuda pra caramba o blog a crescer e ter a chance de produzir mais coisas bacanas.

Siga o autor no Twitter