Mais no blog:

quinta-feira, 30 de setembro de 2021

Dois discos: Natalie Imbruglia e Kacey Musgraves


Natalie Imbruglia - "Firebird"

Às vezes, tudo que uma pessoa precisa é um bom disco de música pop para relaxar. É exatamente o que Natalie Imbruglia entrega em "Firebird", sexto trabalho da carreira. Em pouco mais de 50 minutos, ela apresenta canções que vão de algo mais simples até tentativas de novas coisas. No fim, é bem agradável.

Avaliação: bom

Veja também:
Resenha: I'll Be Your Mirror - A Tribute to the Velvet Underground and Nico
Resenha: Guilherme Arantes - Desordem dos Templários
Resenha: Lindsey Buckingham - Lindsey Buckingham
Resenha: The Vaccines - Back in Love City
Resenha: Matthew E. White - K Bay
Resenha: Manic Street Preachers - The Ultra Vivid Lament

Estou no Twitter e no Instagram. Ouça o podcast, compre livros na Amazon e fortaleça o trabalho do blog!


Kacey Musgraves - "Star-Crossed"

Três anos após o último disco de estúdio, "Golden Hour (2018)", a cantora Kacey Musgraves lança um novo trabalho. Diferentemente do anterior, "Star-Crossed" é um mergulho mais direto no pop em canções grudentas como "Justified" ou a faixa-título. Longe de ser brilhante, é um bom exemplo do pop inofensivo atual.

Avaliação: regular

Continue no blog: