Mais do blog:

segunda-feira, 20 de julho de 2020

Resenha: Lianne La Havas - Lianne La Havas


A cantora Lianne La Havas foi uma das grandes revelações da música em 2011 e lançou o primeiro álbum da carreira no ano seguinte. Em ascensão, era difícil imaginar qualquer coisa senão o mais absoluto sucesso, ainda mais depois da boa recepção do segundo álbum de estúdio -- "Blood" (2015). Mas ela simplesmente decidiu que o disco não havia sido bom o suficiente para expressar os sentimentos, então resolveu trabalhar com calma no sucessor em meio a um turbilhão na vida pessoal.

Talvez nem ela soubesse que colocaria a carreira de lado por cinco anos. A espera valeu a pena, já que o trabalho disponibilizado na última sexta-feira (17) é um dos melhores lançados neste início de segundo semestre de 2020. Entre as 12 faixas, há apenas uma não composta com La Havas: "Weird Fishes", música do Radiohead presente em "In Rainbows" (2007). Ela conseguiu deixar a faixa como se fosse de autoria dela, como se ela tivesse escrito esses versos. Não deixar de ser um feito incrível.

Veja também:
Resenha: Dalai Lama - Inner World
Resenha: Fernanda Takai - Será que Você Vai Acreditar?
Resenha: Rufus Wainwright - Unfollow the Rules
Resenha: Holy Wave - Interloper
Resenha: Willie Nelson - First Rose of Spring
Resenha: Paul Weller - On Sunset


No mais, todas as músicas tem La Havas como compositora ao lado dos parceiros de trabalho e ajudam a entender esse período da vida dela. Para começar, o trabalho abre e fecha com a mesma música ("Bittersweet"), e segue na toada de falar sobre aquele momento mágico de se apaixonar por alguém e de toda a sensualidade que isso envolve até a insegurança, infelicidade e a traição da pessoa amada.

La Havas fez um álbum muito gostoso de ouvir. Tão bom que nem dá para sentir direito os quase 60 minutos de duração. Passa rápido. E ela acertou na temática do trabalho, já que temas universais têm bem mais chance de conseguir chamar atenção do público do que algo mais particular.

O retorno da cantora após tanto tempo, e em um momento como esse do mundo, é bem importante. Mais madura e agora com um repertório ainda melhor graças ao novo álbum, Lianne La Havas está mais do que pronta para fazer voos mais altos na carreira.

Tracklist:

1 - "Bittersweet" (full length)
2 - "Read My Mind"
3 - "Green Papaya"
4 - "Can't Fight"
5 - "Paper Thin"
6 - "Out of Your Mind" (interlude)
7 - "Weird Fishes" (Radiohead cover)
8 - "Please Don't Make Me Cry"
9 - "Seven Times"
10 - "Courage"
11 - "Sour Flower"
12 - "Bittersweet"

Avaliação: ótimo



Continue no blog:



Siga o blog no Twitter e no Facebook e assine o canal no YouTube. Compre livros na Amazon e fortaleça o trabalho do blog!

Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais e indique o blog aos amigos!