Mais do blog:

terça-feira, 9 de junho de 2020

Resenha: Run The Jewels - RTJ4


Formado pelo produtor El-P e pelo rapper Killer Mike, o Run The Jewels é um dos melhores projetos de rap no momento. A partir do momento em que eles conseguiram se unir como uma dupla coesa e sabendo como as habilidades de cada um podem contribuir para a música, eles estão voando sem sair do chão. São três discos de estúdio ótimos em que conseguem unir o melhor do gênero com diversas colaborações.

Foram quatro anos de espera entre o "Run The Jewels 3" e o novo álbum, disponibilizado de surpresa na última semana. A antecipação em três dias se deu por conta dos protestos anti-racistas e contra a morte de George Floyd nos Estados Unidos. Eles abordam uma variedade muito grande de assuntos, desde os respectivos times no beisebol até referências da cultura pop na quinta faixa, chamada "Goonies vs. E.T.".

Veja também:
Resenha: Muzz - Muzz
Resenha: Mahmundi - Mundo Novo
Resenha: Deerhoof - Future Teenage Cave Artists
Resenha: Lady Gaga - Chromatica
Dois discos: Trivium e Kvelertak
Dois discos: Moses Sumney e A Girl Called Eddy


Em entrevista, El-P não acha que eles deveriam estar na vanguarda do rap, afinal eles já passaram dos 40 anos. Mas é difícil não achar isso quando chega "Ooh La La", uma das melhores canções de 2020 e da discografia da dupla. Com participações de Greg Nice e do DJ Premier, é uma bela homenagem ao passado usando toda a tecnologia nova.

É um trabalho também pautado pela dureza da vida e como ver determinadas coisas ainda é dolorido, como em "Walking in the Snow" em que a temática da brutalidade policial aparece e acaba servindo de pano de fundo para uma discussão muito atual e necessária. E também dá para destacar outras duas canções com participações bem especiais. A primeira delas é "Just", com o rapper Pharrell Williams e o vocalista do Rage Against the Machine Zack de la Rocha, e fala sobre como dinheiro e poder podem corromper as pessoas.

A segunda é "Pulling the Pin", que conta com a cantora Mavis Staples e o vocalista do Queens of the Stone Age Josh Homme. A abordagem da faixa parte do princípio de mudança, de usar o sistema para mudar as coisas na sociedade e como cada um, dentro da respectiva comunidade, pode usar o poder de influência para ser um agente de mudança.

É inegável que o Run The Jewels vive grande fase e entregar quatro discos ótimos é para poucos. "RTJ4" é o trabalho certo para o momento certo. Contagiante e direto, é o tipo de álbum que fará qualquer ouvinte pensar muito naquele desejo de mudança.

Tracklist:

1 - "Yankee and the Brave (Ep. 4)"
2 - "Ooh La La" (feat. Greg Nice and DJ Premier)
3 - "Out of Sight" (feat. 2 Chainz)
4 - "Holy Calamafuck"
5 - "Goonies vs. E.T."
6 - "Walking in the Snow"
7 - "Just" (feat. Pharrell Williams and Zack de la Rocha)
8 - "Never Look Back"
9 - "The Ground Below"
10 - "Pulling the Pin" (feat. Mavis Staples and Josh Homme)
11 - "A Few Words for the Firing Squad (Radiation)"

Avaliação: ótimo



Continue no blog:



Siga o blog no Twitter e no Facebook e assine o canal no YouTube. Compre livros na Amazon e fortaleça o trabalho do blog!

Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais e indique o blog aos amigos!