No YouTube

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Resenha: Youssou N'Dour - Africa Rekk


Cantor também foi membro do governo do Senegal por quase dois anos

Considerado o músico mais famoso do Senegal, Youssou N'Dour é uma personalidade e tanto no país. Além de cantor e compositor, ele também foi Ministro do Turismo e da Cultura por seis meses em 2012 e depois foi Ministro da Cultura e do Lazer por mais 11 meses. Seu trabalho na música ficou conhecido por ser o representante do Mbalax, uma mistura de ritmos do oeste africano com jazz, soul, rock e muita percussão. Africa Rekk é o mais novo trabalho de estúdio desse senegalês.

Os elementos de "Gorée" já colocam o ouvinte a postos para se deliciar com um disco muito interessante. Se "Bull Ko Door" aposta em uma melodia acústica das mais delicadas para chamar a atenção, "Be Careful" é mais cheia de ritmo e aposta em refrãos falados e instrumentais bem grudento – tudo isso funciona muito bem e o ouvinte embala na audição com a possibilidade de prestar atenção nos diversos instrumentos usados.

Veja também:
Resenha: Alicia Keys – Here
Resenha: BANKS – The Altar
Resenha: Odair José – Gatos e Ratos
Resenha: Tom Zé – Canções Eróticas de Ninar
Resenha: Lady Gaga – Joanne
Resenha: Sabotage – Sabotage
Resenha: Norah Jones – Day Breaks

O clima pesado da melodia de "Jeegel Nu" contrasta com a animação do refrão de "Conquer the World", que conta com a participação do rapper Akon. "Exodus" traz os ritmos africanos à frente dos outros gêneros, apontando um caminho interessante no disco sem desmoronar completamente – tudo faz muito sentido dentro da proposta apresentada desde o início. E, claro, a percussão e a dança retornam na boa "Ban La".

"Oumar Foutiyou Tall" homenageia um dos primeiros líderes políticos da história do Senegal em uma mais uma faixa acústica, enquanto a interessante "Dawal" une elementos da música do Senegal com um toque de eletrônica. "Serin Fallu" traz a pureza da tradição local, mas nem se compara com a tocante "Food For All". Com um quê de reggae, "Money Money" aparece para fechar os trabalhos.

Mais uma vez, a África Ocidental apresenta uma repertório musical incrivelmente bom. No caso de Youssou N'Dour, o disco é um dos melhores que ouvi de lá ao conseguir encaixar diversos gêneros e estilos dentro do mesmo trabalho. É um registro bem interessante.

Tracklist:

1 - "Gorée"
2 - "Bull Ko Door"
3 - "Be Careful"
4 - "Jeegel Nu"
5 - "Conquer the World" (feat. Akon)
6 - "Exodus"
7 - "Ban La" (feat. Fally Ipupa)
8 - "Oumar Foutiyou Tall"
9 - "Dawal" (feat. Spotless)
10 - "Serin Fallu"
11 - "Food For All"
12 - "Money Money"

Nota: 4/5



Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais e indique o blog aos amigos!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...