No YouTube

quinta-feira, 3 de março de 2016

Resenha: Ra Ra Riot – Need Your Light


Trabalho do grupo é o primeiro desde 2013

Uma típica banda de universidade, em que os membros se conhecem e juntam por ter o gosto pela música em comum, o Ra Ra Riot nunca decolou – no sentido de não conseguir ultrapassar a barreira de sair de independente para ser conhecido por mais gente. Precisa? Claro que não. Mantendo essa pegada, eles apresentam Need Your Light, quarto trabalho em estúdio.

A repetição de uma fórmula comum, refrão repetitivo e ritmo lento formam a música bem ruim "Water", não ajudando em nada o início do disco. De pegada indie-pop-dançante-grudenta, "Absolutely" quer fazer você nunca mais esquecer o ritmo insistente. E consegue, só que da pior maneira possível, porque deixará você irritado horas seguidas.

Mais curta, "Foreign Lovers" funciona e consegue ser a primeira a agradar, ainda que apenas um pouco, e "I Need Your Light" é muito ruim e descartável, assim como "Bad Times". E também "Call Me Out". Temos uma sequência de três canções péssimas, e isso atrapalha muito o andamento do disco. Simples e bobinhas, estão muito abaixo de qualquer coisa que qualquer um no mesmo nível fez recentemente.

As péssimas "Instant Breakup" e "Every Time I'm Ready to Hug" não servem para nada, só para inchar o álbum. Depois de oito músicas, a única boa aparece na parte final: "Bouncy Castle". Soando um R&B misturado com eletrônico, ela é dançante e cheia de ritmo. Sempre há um bote em um mar de porcaria.

Mesmo "Suckers" finalizando bem o disco, Need Your Light é muito ruim, apenas com uma música realmente boa. O resto é completamente descartável e muito ruim para qualquer um, até mesmo os fãs.

Tracklist:

1 - "Water"
2 - "Absolutely"
3 - "Foreign Lovers"
4 - "I Need Your Light"
5 - "Bad Times"
6 - "Call Me Out"
7 - "Instant Breakup"
8 - "Every Time I'm Ready to Hug"
9 - "Bouncy Castle"
10 - "Suckers"

Nota: 1/5



Veja também:
Resenha: School Of Seven Bells – SVIIB
Resenha: Yuck – Stranger Things
Resenha: Batushka – Litourgiya (2015)
Resenha: Animal Collective – Painting With
Resenha: Wolfmother – Victorious
Resenha: Bloc Party – Hymns
Resenha: Kanye West – The Life of Pablo


Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais! Isso ajuda pra caramba o blog a crescer e ter a chance de produzir mais coisas bacanas.