No YouTube

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Resenha: David Crosby – Lighthouse


Veterano cantor tem apenas cinco discos de estúdio na carreira solo

Croz, de David Crosby, foi um dos melhores discos de 2014 e colocou o cantor de volta aos holofotes depois de 40 anos de seu últimos disco solo. Ele não demostra vontade de parar e disponibiliza Lighthouse, apenas o quinto trabalho em estúdio de sua longa carreira na música - incluindo The Byrds e o Crosby, Stills, Nash & Young. O novo álbum não deixa a menor dúvida de que foi feito por Crosby. Sendo um ótimo cantor, ele coloca a voz em primeiro plano e é sempre acompanhado por delicadas melodias acústicas. As quatro primeiras canções mostram bem isso ao não fugirem dessa característica. Os destaque do disco vão para a delicada, mas de refrão potente, "Somebody Other Than You" e para "Paint You a Picture", uma letra muito bonita que o cantor consegue melhorar ainda mais com sua bela interpretação. O resultado acaba sendo um bom disco. Não tão bom quando o anterior, mas dá para ouvir todo potencial vocal de David Crosby. E isso já basta.

Veja também:
Resenha: A Tribe Called Quest - We Got It from Here... Thank You 4 Your Service
Resenha: Metallica - Hardwired... to Self-Destruct
Resenha: Liniker e os Caramelows – Remonta
Resenha: Sting – 57th & 9th
Resenha: Sleigh Bells - Jessica Rabbit
Resenha: American Football – American Football (LP2)
Resenha: Youssou N'Dour - Africa Rekk

Tracklist:

1 - "Things We Do for Love"
2 - "The Us Below"
3 - "Drive Out to the Desert"
4 - "Look in Their Eyes"
5 - "Somebody Other Than You"
6 - "The City"
7 - "Paint You a Picture"
8 - "What Makes It So"
9 - "By the Light of Common Day"

Nota: 3,5/5



Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais e indique o blog aos amigos!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...