No YouTube

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Resenha: Frightened Rabbit - Painting of a Panic Attack


É o quinto disco de estúdio dos escoceses

Para quem acompanha o blog há mais tempo, o Frightened Rabbit é um velho conhecido da seção (RIP) Conheça - foi uma das primeiras bandas indicadas por aqui. Painting of a Panic Attack é o quinto disco de estúdio, sendo o sucessor do bom Pedestrian Verse (2013), que serviu para mudar o patamar deles no cenário musical britânico.

O início longo com "Death Dream" mostra o pé nas melodias suaves que a banda vem colocando ultimamente, e isso continua na seguinte, "Get Out", com ainda mais efeitos fazendo parte da atmosfera. O tom épico de "I Wish I Was Sober" é bem exagerado e não ajuda muito no andamento. E "Woke Up Hurting" quer convidar o ouvinte para se mexer um pouco, mas fica só na pretensão.

Veja também:
Resenha: The Strumbellas – Hope
Resenha: M83 – Junk
Resenha: Xenia Rubinos – Black Terry Cat
Resenha: Cheap Trick - Bang, Zoom, Crazy... Hello
Resenha: Biffy Clyro – Ellipsis
Resenha: Joe Bonamassa - Blues of Desperation
Resenha: Michael Kiwanuka – Love & Hate

"Little Drum" não funciona quando tenta soar alternativa ao usar uns instrumentos diferentes. Ainda bem que a boa "Still Want to Be Here" surge para ser um alento no meio de tanta coisa mediana, sendo o típico caso de canção com cara de sobreviver por muito tempo nas apresentações por se sobressair com relação ao resto. E "An Otherwise Disappointing Life" consegue ser apenas 'ok' ao não comprometer.

A agitadinha "Break" tem no refrão o auge – o que não significa nada, basicamente. Se "Blood Under the Bridge" é repetitiva e bem cansativa, "400 Bones" não ajuda em nada ao ser ainda pior. A desinteressante "Lump Street" e a sonolenta "Die Like a Rich Boy" completam as 12 canções.

Não encontrei uma palavra mais pesada, então vai decepcionante mesmo. Lento, repetitivo e sem boas ideias, só tem uma faixa realmente boa – a tão boa que é muito melhor do que as outras. Uma pena, porque esperava mais deles.

Tracklist:

1 - "Death Dream"
2 - "Get Out"
3 - "I Wish I Was Sober"
4 - "Woke Up Hurting"
5 - "Little Drum"
6 - "Still Want to Be Here"
7 - "An Otherwise Disappointing Life"
8 - "Break"
9 - "Blood Under the Bridge"
10 - "400 Bones"
11 - "Lump Street"
12 - "Die Like a Rich Boy"

Nota: 1,5/5



Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais e indique o blog aos amigos!

Esse post foi um oferecimento de Felipe Portes, o primeiro patrão do blog. Contribua, participe do nosso Patreon.