Mais no blog:

quarta-feira, 4 de agosto de 2021

Resenha: Billie Eilish - Happier Than Ever


Billie Eilish confirmou todas as expectativas de ter sido eleita por público e especialistas como o novo grande fenômeno musical dos últimos dois anos. O sucesso do primeiro álbum a levou a gravar músicas com outros artistas, a ter o tema principal do novo filme da franquia James Bond e fez do irmão dela, Finneas, um dos produtores mais procurados do mundo. Enfim, ela está com tudo.

E por ter o poder recém-adquirido de fazer o que bem entender, ela deu uma bela mudada no visual e nas músicas em "Happier Than Ever", o segundo álbum da carreira. Um dos pontos positivos do trabalho, logo de cara, é perceber como é bem gravado e bem feito. Finneas é, realmente, um produtor acima da média por conseguir fazer trabalhos com baixo orçamento (o primeiro) e com um orçamento mais alto (o segundo).

Veja também:
Resenha: Prince - Welcome 2 America
Resenha: David Crosby - For Free
Resenha: Vince Staples - Vince Staples
Resenha: Foo Fighters - Dee Gees: Hail Satin
Dois discos: John Mayer e Rodrigo Amarante
Duas resenhas: Adrian Smith and Richie Kotzen e Lucrecia Dalt and Aaron Dilloway

Estou no Twitter e no Instagram. Ouça o podcast, compre livros na Amazon e fortaleça o trabalho do blog!

Eilish faz do segundo trabalho da carreira uma espécie de diário sobre os últimos meses ao falar sobre o que tem passado e da responsabilidade em atingir tanta gente até como tudo isso também traz fragilidade no âmbito pessoal e como a vida dela não é, e jamais será, a mesma de antes. Ela também mostra preferências e referências, casos de "Billie Bossa Nova" e a experimental "Oxytocin", duas canções completamente diferentes, mas que mostram bem como a cantora não quer ficar parada em um estilo.

Com 16 faixas espalhadas em quase uma hora de duração, o álbum tem seus altos e baixos e, como todo trabalho longo, tem em canções não transformadas em singles alguns bons destaques, caso da balada romântica "Halley's Comet" e da melancólica "Your Power", sobre relacionamento abusivo e como isso a afetou profundamente.

"Happier Than Ever" é o resultado do amadurecimento da parceria entre Billie Eilish e o irmão. O resultado disso é um trabalho que transita muito bem em vários gêneros sem perder a base. A cantora passa com louvor no teste do segundo álbum, agora é esperar para saber quais serão as próximas surpresas.

Tracklist:

1 - "Getting Older"
2 - "I Didn't Change My Number"
3 - "Billie Bossa Nova"
4 - "My Future"
5 - "Oxytocin"
6 - "Goldwing"
7 - "Lost Cause"
8 - "Halley's Comet"
9 - "Not My Responsibility"
10 - "Overheated"
11 - "Everybody Dies"
12 - "Your Power"
13 - "NDA"
14 - "Therefore I Am"
15 - "Happier Than Ever"
16 - "Male Fantasy"

Avaliação: muito bom

Continue no blog: