Mais no blog:

quarta-feira, 28 de julho de 2021

Resenha: David Crosby - For Free


Em meio a polêmicas na vida pessoal e um documentário recente dirigido por Cameon Crowe, David Crosby vai bem, obrigado. Ele já estaria na história por fazer parte de dois grupos icônicos do rock, The Byrds e Crosby, Stills & Nash, mas ele resolveu olhar com mais carinho para a carreira solo nos últimos anos. São cinco álbuns de estúdio, incluindo "For Free", disponibilizado recentemente ao público.

Crosby parece mais em paz com o papel que teve na música nos anos anteriores e, com a idade, está mais solto para fazer o que bem entende -- incluindo falar poucas e boas sobre qualquer um e qualquer assunto no Twitter a ponto de gerar críticas de alguns artistas mais jovens. Musicalmente falando, é difícil não ficar encantado com "River Rise", primeira canção do novo trabalho.

Veja também:
Resenha: Vince Staples - Vince Staples
Resenha: Foo Fighters - Dee Gees: Hail Satin
Dois discos: John Mayer e Rodrigo Amarante
Duas resenhas: Adrian Smith and Richie Kotzen e Lucrecia Dalt and Aaron Dilloway
Duas resenhas: Laura Mvula e Angelique Kidjo
Resenha: John Grant - Boy from Michigan

Estou no Twitter e no Instagram. Ouça o podcast, compre livros na Amazon e fortaleça o trabalho do blog!

A voz não é mais a mesma e é possível ouvir o peso do tempo, mas ele consegue segurar bem as pontas em vários momentos. Um desses momentos é "I Think I", quando Crosby parece mandar um recado: ele, ao que parece, encontrou o próprio caminho e está plenamente satisfeito com isso, sem dar bola aos críticos ou qualquer outra pessoa que não goste do trabalho dele.

A partir da terceira faixa, ele se deleita em canções como "Rodriguez for a Night", uma homenagem ao Steely Dan, e em "For Free", cover de Joni Mitchell que ganha muito com a participação da cantora Sarah Jarosz, a melhor canção do álbum pela delicadeza da gravação e em como a voz da dupla casou muito bem na homenagem à cantora.

Crosby avisou recentemente que, perto de completar 80 anos, é possível ser o último trabalho da carreira. Torço para não ser, mas, caso for, cumpre muito bem o objetivo em mostrar o cantor às novas gerações e ainda manter o apelo com velhos fãs. "For Free" é para mostrar como ele ainda dá conta do recado em um álbum dos mais bonitos.

Tracklist:

1 - "River Rise" (featuring Michael McDonald)
2 - "I Think I"
3 - "The Other Side of Midnight"
4 - "Rodriguez for a Night"
5 - "Secret Dancer"
6 - "Ships in the Night"
7 - "For Free" (featuring Sarah Jarosz)
8 - "Boxes"
9 - "Shot at Me"
10 - "I Won't Stay for Long"

Avaliação: ótimo

Continue no blog: