Mais no blog:

quinta-feira, 18 de março de 2021

Resenha: trilha sonora de Destacamento Blood


O músico Terence Blanchard trabalha com Spike Lee há mais de 30 anos, em uma das parcerias mais longevas entre um compositor de trilhas sonoras e um diretor. Repetindo a dobradinha de "Infiltrado na Klan", eles retornam em "Destacamento Blood", novo filme de Lee, disponível na Netflix, que conta a história de como quatro amigos retornam ao Vietnã, quase 50 anos após o final do conflito contra os Estados Unidos, para resgatar um tesouro enterrado por eles e recuperar os restos mortais do líder do destacamento.

Muito material já foi feito sobre a Guerra do Vietnã, seja em ficcional ou em documentários, mas contar uma história específica é algo que só mesmo Spike Lee teria coragem de fazer. E ele fez. Certamente, é um dos melhores trabalhos da carreira dele e fica ainda melhor quando o papel da trilha sonora fica mais claro à medida em é possível ouvir o material mais e mais vezes.

Veja também:
Dois discos: Fruit Bats e Zara Larsson
Duas resenhas: Arab Strap e Painted Shrines
Resenha: Kings of Leon - When You See Yourself
Resenha: Melvins - Working with God
Resenha: Julien Baker - Little Oblivions
Resenha: King Gizzard and The Lizard Wizard - L.W.

Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais e indique o blog aos amigos!

Estou no Twitter e assine o canal no YouTube. Compre livros na Amazon e fortaleça o trabalho do blog!



"Destacamento Blood" é uma história muito emocional sobre quatro homens que, em níveis diferentes, ainda carregam dentro de si os horrores dos traumas de uma guerra desnecessária que tirou a vida de milhões de soldados de ambos os lados e de vietnamitas inocentes ao longo de muitos anos. Blanchard consegue traduzir isso, sentimentos e ações, em música muito bonita e muito melancólica, algo fundamental na raiz do filme.

Talvez por algum milagre, ou algo do tipo, a trilha sonora conseguiu sobreviver por dez meses a ponto de ser indicada ao Oscar na categoria. E acabou sendo a surpresa da vez, já que outros trabalhos estavam sendo mais citados em outras premiações mais recentes. Isso só mostra como o trabalho de Terence Blanchard é reconhecido por seus pares por ter uma altíssima qualidade em diversos aspectos -- técnicos e emocionais.

Ao usar elementos simples para contar essa história em forma de música, o compositor mostra que ter sensibilidade para conseguir fazer esse trabalho da melhor maneira possível é um talento e tanto -- ainda mais em um filme tão complexo e com cinco personagens tão distintos entre si. A trilha sonora de "Destacamento Blood" é uma das melhores trilhas lançadas em 2020 e merecia muito estar no Oscar. Que bom que conseguiu.

Avaliação: ótimo

Continue no blog: