quarta-feira, 22 de maio de 2019

Resenha: Rodrigo y Gabriela - Mettavolution


Rodrigo y Gabriela formam uma dupla que apostou em algo muito peculiar na música pop: música instrumental. Restrita a círculos musicais mais restritos, a música instrumental ganhou um novo significado com o sucesso da dupla mexicana, que conseguiu entrar no mercado americano e atingir um público muito bom para o tipo de sonoridade tocada por eles - uma mistura de algo mais pop com regionalismo mexicano. "Mettavolution" é o sexto disco de estúdio, o primeiro em cinco anos.

A faixa-título abre o trabalho mostrando essa mistura de elementos que fez da dupla um fenômeno. Há muita coisa do violão clássico, mas eles acrescentam a música regional do México e aceleram a faixa dentro de uma estrutura musical com muito sentido. Há uma linha de raciocínio de início, meio e fim, mostrando que não precisam de palavras para expressar sentimentos. Mais cheia de efeitos, "Terracentric" consegue mesclar bem as partes mais calmas e os momentos mais agitados.

Veja também:
Resenha: Mac Demarco - Here Comes the Cowboy
Resenha: Bad Religion - Age of Unreason
Resenha: L7 - Scatter the Rats
Resenha: King Gizzard & the Lizard Wizard - Fishing for Fishies
Resenha: The Cranberries - In the End
Resenha: Bárbara Eugênia - Tuda


O regionalismo aparece com pompa e circunstância em "Cumbé". Não precisa ser um gênio de música mexicana para reconhecer que a batida e o andamento são dos nossos companheiros de América Latina, enquanto "Electric Soul" é mais exibida por ter um solo mais acentuado e "Krotona Days" pode ser classificada como a mais pesada do disco por apresentar uma agressividade até então inédita no trabalho.

A parte final apresenta "Witness Tree", que poderia fazer parte de qualquer filme rodado na América Latina, e o cover de "Echoes", do Pink Floyd, com quase 19 minutos de duração. E a canção ganhou beleza nessa versão, já a dupla conseguiu manter certa fidelidade e, ao mesmo tempo, acrescentar um toque pessoal muito bonito.

Cinco anos sem um novo trabalho deram a Rodrigo y Gabriela bastante tempo para pensar no repertório desse álbum. E a dupla acerta ao apostar nessa mistura de elementos, mostrando, mais uma vez, que a música é universal e não há nenhum muro capaz de impedir isso.


Tracklist:

1 - "Mettavolution"
2 - "Terracentric"
3 - "Cumbé"
4 - "Electric Soul"
5 - "Krotona Days"
6 - "Witness Tree"
7 - "Echoes"

Avaliação: muito bom



Siga o blog no Twitter e no Facebook e assine o canal no YouTube. Compre livros na Amazon e fortaleça o trabalho do blog!

Saiba como ajudar o blog a continuar existindo

Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais e indique o blog aos amigos!

Continue no blog: