No YouTube

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Resenha: Pond - Man It Feels Like Space Again


Formado em 2008 em Perth, na Austrália, a banda de rock psicodélico Pond é composta por Nick Allbrook, Jay Watson, Joe Ryan, Jamie Terry e Julien Barbagallo. Antes do lançamento de Man It Feels Like Space Again, a banda já havia colocado no mercado seis discos e um EP, mas o disco lançado neste ano já é, de longe, o maior sucesso comercial dentro e fora de seu país de origem.

Eleito pelo semanário NME como a banda mais quente de 2012, o Pond tocou no South by Southwest no mesmo ano, mostrando que os americanos estão mesmo correndo atrás de banda psicodélicas novamente.

Para quem gosta de música psicodélica de bom nível, "Waiting Around for Grace" abre o disco de maneira graciosa por estar entre Tame Impala e as bandas dos anos 1960 e 1970. A melodia, o ritmo, a parte instrumental no fim, tudo na faixa remete a psicodelia e suas vertentes. Um início muito, muito promissor.

Você pode não acreditar, e talvez só ouvindo para tirar a prova, que "Elvis' Flaming Star" seja dançante. Isso mesmo. Logo depois de todos os efeitos e pedais em excesso, a segunda faixa do trabalho começa com um baixo muito animado, cheio de euforia e com referência ao pop dos anos 1970. O ritmo diminui vertiginosamente na quase balada "Holding Out for You". Quase por que a voz distorcida e a guitarra distorcida lembram a todo instante que não é um disco pop.

Mais uma em que a psicodelia se mistura ao pop, "Zond" é dançante, tem os momentos certos de parada até que retorna ao refrão e faz o ouvinte dançar sentado, e em "Heroic Shart" temos, mais uma vez, uma diminuição de ritmo depois de uma canção dançante. Aqui, o uso de elementos para criar uma atmosfera é fundamental para construir a boa melodia.

E se "Sitting Up on Our Crane" mantém a linha delicado/psicodélico, "Outside Is the Right Side" parte mais para o lado rock/jam session/improviso da música. E ambas são maravilhosas porque conseguem entregar exatamente o que se espera desses tipos tão diferentes de músicas. Se existe a subcategoria folk psicodélico, "Medicine Hat" está dentro. Uma balada acústica muito bonita e bem executada, e, para encerrar, "Man It Feels Like Space Again" é um bom resumo de todo álbum.

Para quem gosta de bandas novas do circuito alternativo, o Pond é a melhor escolha no momento. E Man It Feels Like Space Again mostra força na mistura entre psicodelia com outros ritmos, como pop, rock e alternativo. É um ótimo álbum que a maioria das pessoas não ouvirá. Mas deveria.

Tracklist:

1 - "Waiting Around for Grace"
2 - "Elvis' Flaming Star"
3 - "Holding Out for You"
4 - "Zond"
5 - "Heroic Shart"
6 - "Sitting Up on Our Crane"
7 - "Outside Is the Right Side"
8 - "Medicine Hat"
9 - "Man It Feels Like Space Again"

Nota: 4,5/5


Veja também:
Resenha: Peace – Happy People
Resenha: 24Pesos – Do The Right Thing
Resenha: Father John Misty - I Love You, Honeybear
Resenha: Pneu - Destination Qualité
Resenha: Jair Naves – Trovões A Me Atingir
Resenha: John Carpenter – John Carpenter’s Lost Themes
Resenha: Vijay Iyer Trio – Break Stuff
Siga o blog no Twitter, Facebook, Instagram, no G+, no no Tumblr e no YouTube

Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais!