No YouTube

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Resenha: Playing For Change Band – Playing For Change 3: Songs Around The World


Se não me engano, e bem me lembro, o Playing For Change foi o primeiro projeto musical multimídia que ouvi falar. A versão feita de “Stand by Me”, de John Lennon, ficou absurdamente conhecida no mundo inteiro – meu irmão, que vive atrasado com essas coisas na internet, chegou a me mostrar o ótimo vídeo.

O projeto nasceu com a intenção, de acordo com o criador Mark Johnson, de unir o mundo pela música. Depois do incrível sucesso, veio o premiado documentário A Cinematic Discovery of Street Musicians, a criação da Playing For Change Band e da Playing For Change Foundation, organização sem fins lucrativos que ajuda cidades na criação de escolas de música e arte pelo mundo.

Com tudo isso, eles ainda tiveram tempo de gravar Playing For Change 3: Songs Around The World, novo álbum com versões de músicas conhecidas – ou não. O início instrumental dá uma impressão diferente, mas a mudança de acordes mostra que "La Bamba" é um patrimônio da humanidade e não merece ser tão mexida como as outras. Segunda canção, "Words Of Wonder" ganhou uma versão reggae bem suave. Ótima para ouvir enquanto cozinha, por exemplo.

Responsáveis pela faixa anterior, Glen David Andrews e The PFC Band fizeram uma ótima versão de "Get Up Stand Up", clássico cantado por Bob Marley. Você pode até pensar que "Reggae Got Soul" virou um reggae, mas não. Ela ganhou uma boa versão soul e cheia de gingado, já o standard "Down By The Riverside" conta com a participação da Preservation Hall Jazz Band, apresentada para quem não conhece na série Sonic Highways, o guitarrista Keb'Mo' e o bluesman Grandpa Elliott. Outra que ficou excelente.

Glen David Andrews e The PFC Band retornam na versão gospel de "A Better Place", que deverá funcionar muito bem ao vivo. A versão de "What's Going On" cantada por Marvin Gaye é cheia de swing, mas Sara Bareilles, Titi Tsira e Clarence Bekker optaram por fazer algo mais próximo do soul com R&B. Uma releitura que chama atenção. Para encerrar, nada melhor que algo para cima e feliz com "Guatanamera". Por ser outra faixa praticamente impossível de fazer mudanças drásticas, a opção por trazer algo mais lento e dançante, sem perder a essência latina, foi muito bom.

O resultado desse álbum do Playing For Change é muito bom, assim como os outros. As versões ficaram muito boas, com destaque para “La Bamba”, "Get Up Stand Up" e "Guatanamera”, que ganharam novas versões sem perder a magia do original. Um ótimo disco.

Tracklist:

1 - "La Bamba" (Andrés Calamaro, Cesar Rosas e David Hidalgo)
2 - "Words Of Wonder" (Glen David Andrews e The PFC Band)
3 - "Get Up Stand Up" (Glen David Andrews e The PFC Band)
4 - "Reggae Got Soul" (Ernest Ranglin, Taj Mahal e Toots Hibbert)
5 - "Down By The Riverside" (Keb'Mo', Preservation Hall Jazz Band e Grandpa Elliott)
6 - "A Better Place" (Glen David Andrews e The PFC Band)
7 - "What's Going On" (Sara Bareilles, Titi Tsira e Clarence Bekker)
8 - "Guatanamera" (Carlos Varela e Manual Galbán)

Nota: 4/5



Veja também:
Resenha: 2:54 – The Other I
Resenha: Simple Minds – Big Music
Resenha: The New Basement Tapes – Lost on the River
Resenha: Taylor Swift – 1989
Resenha: Parkay Quarts - Content Nausea
Resenha: Sunn O))) and Ulver - Terrestrials




Siga o blog no Twitter, Facebook, Instagram, no G+, no no Tumblr e no YouTube

Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais!