Mais no blog:

quarta-feira, 31 de março de 2021

Duas resenhas: Floating Points e Death From Above 1979


Floating Points, Pharoah Sanders e The London Symphony Orchestra - "Promises"

Projeto do DJ Sam Shepherd, o Floating Points faz de "Promises" o trabalho mais ousado da carreira ao unir forças com o saxofonista Pharoah Sanders e a Orquestra Sinfônica de Londres. O resultado é um disco instrumental experimental com toques de jazz absurdamente bom. O incrível dessa mistura é como cada parte conseguiu se adequar bem ao outro para transformar o trabalho em algo bonito, melancólico e muito sofisticado. É desses álbuns apaixonantes do início ao fim.

Avaliação: ótimo

Veja também:
Resenha: Tomahawk - Tonic Immobility
Duas resenhas: The Weather Station e Divide and Dissolve
Duas resenhas: Soen e Rob Zombie
Duas resenhas: American Culture e Jon Batiste
Resenha: trilha sonora de Destacamento Blood
Dois discos: Fruit Bats e Zara Larsson

Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais e indique o blog aos amigos!

Estou no Twitter e assine o canal no YouTube. Compre livros na Amazon e fortaleça o trabalho do blog!


Death From Above 1979 - "Is 4 Lovers"

O Death From Above 1979 nunca foi uma banda que despertou amor ou ódio por aqui. Excluindo a estreia lançado no longínquo 2004, os outros trabalhos da banda nunca soaram muito atrativos. Mas, quatro anos após o último disco de estúdio, "Is 4 Lovers" coloca grupo em uma posição diferente. Grudento, é muito difícil parar de ouvir o novo álbum. Dá para sentir e empolgação ao longo de pouco mais de 30 minutos de duração.

Avaliação: muito bom

Continue no blog: