Mais do blog:

segunda-feira, 2 de dezembro de 2019

Dois discos: Angélique Kidjo e Coldplay


Angélique Kidjo - "Celia"

Quando se pensa nos países do continente africano, pouquíssimas pessoas vão lembrar do Benim. Localizado na África Ocidental, entre a Nigéria e o Togo, o país de quase 11 milhões de habitantes é a terra natal da cantora Angélique Kidjo, um dos símbolos do continente nas artes e na luta em pró dos direitos das mulheres. Em atividade desde o fim dos anos 1970, a cantora homenageou em seu novo álbum de estúdio a cubana Célia Cruz, uma das cantoras mais famosas na América Latina no século 21. "Celia" pega alguns dos grandes sucessos da cantora e, retrabalhados com Angélique Kidjo no vocal e músicos do calibre de Tony Allen na bateria, consegue recolocar as músicas de outra maneira com uma força que deixa tudo ainda mais incrível do que já era nas versões originais. As faixas ganham um toque africano ao homenagear toda uma cultura de um povo tão oprimido quanto os africanos. "Celia", além de uma bonita homenagem, também soa como um grito de libertação desses povos praticamente irmãos.

Avaliação: ótimo

Veja também:
Dois discos: M83 e Cage the Elephant



Coldplay - "Everyday Life"

Quatro anos depois do lançamento do péssimo "A Head Full of Dreams" (2015), o Coldplay retorna com um novo trabalho de estúdio. Desta vez, o grupo liderado por Chris Martin aposta em um álbum duplo chamado "Everyday Life", que apela para vários gêneros musicais ao longo de quase uma hora de duração. É o tipo de trabalho que atira para todos os lados e está longe de ter qualquer coerência, ainda que algumas faixas sejam melhores do que muita coisa lançada nos últimos anos ("Trouble in Town", "Daddy" e "Arabesque" do primeiro álbum). Já o segundo é surpreendentemente bom do início ao fim, sendo bem mais coeso do que a primeira parte. Até pelo segundo disco, o trabalho em si acaba ganhando uns pontos positivos e, no geral, acaba se saindo bem.

Avaliação: bom

Continue no blog:



Siga o blog no Twitter e no Facebook e assine o canal no YouTube. Compre livros na Amazon e fortaleça o trabalho do blog!

Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais e indique o blog aos amigos!