No YouTube

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

4 em 1: Fábio de Carvalho, Maglore, Dônica e Quarto Negro


Fábio de Carvalho – Tudo em Vão

Mesclando baladas e canções pesadas, Tudo em Vão foi uma grata surpresa ao mostrar coisas bem pessoais de Fábio de Carvalho. Aliás, o cantor e compositor mostra-se bem atento às coisas atuais – e até usa como exemplo, ainda que não intencional, a faixa “Primeira Música”. Vale muito a pena ouvir o disco do início ao fim.

Nota: 4/5



Maglore – III

III, novo disco do Maglore, é muito do que boa parte das novas bandas brasileiras apresenta hoje. É linear do início ao fim e de fácil acesso, com letras e melodias simples, ao público.

Nota: 3/5


Dônica – Continuidade dos Parques

O Clube da Esquina foi uma das melhores coisas que aconteceu na música brasileira. E é para se aplaudir de pé quando uma banda consegue usar essa influência e fazer um bom trabalho. No caso da banda Dônica, Continuidade dos Parques traz esse clima e ainda conseguiu inserir ótimas partes instrumentais.

Nota: 4/5


Quarto Negro – Amor Violento

As belas canções do Quarto Negro que entraram em Amor Violento têm uma vantagem com relação a muitas outras: ganharam belas melodias a reboque. O resultado disso é um disco melancólico e pronto para abraçar, e ser abraçado, ao final da audição.

Nota: 3,5/5

Veja também:
4 em 1: The Sonics, Say Lou Lou, Tyler, The Creator e Speedy Ortiz
4 em 1: Les Pops, Acho Melhor Não, Lemoskine e Troco em Bala
4 em 1: AWOLNATION, Death Cab For Cutie, Three Days Grace e East India Youth
4 em 1: Nosso Querido Figueiredo, Banda Gentileza, Gustavito e a Bicicleta e Valsa Binária
4 em 1: La Luz, The Maccabees, Chelsea Wolfe e Miguel
4 em 1: Phillip Long, Scalene, Lucas Arruda e Esperanza
4 em 1: Mini Mansions, Sister Machine Gun, Allison Moorer e Matt and Kim

Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais! Isso ajuda pra caramba o blog a crescer e ter a chance de produzir mais coisas bacanas.