Mais no blog:

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Premiações: Grammy 2014 – como foi


A 56ª edição do Grammy aconteceu sem percalços e sem surpresa alguma entre os premiados. Se o Daft Punk chamou atenção do mundo no primeiro semestre com seu Random Access Memories, a neozelandesa Lorde foi o grande nome na metade final de 2013 sendo capa das principais revistas de cultura pop e de perfis em inúmeros cadernos culturais.

Ocorreu tudo tão bem que ninguém se tocou que aclamado álbum Yeezus, de Kayne West, não levou nenhum prêmio. Jay Z levou alguns técnicos, mas quem se deu bem mesmo na categoria rap foi a revelação Macklemore & Ryan Lewis – eles levaram quatro estatuetas, sendo três antes mesmo de a cerimônia oficial ter início.

Para quem viu a pré-premiação, apresentada Cyndi Lauper, foi um momento engraçado, mas constrangedor em outros. Dezenas de vencedores não subiram ao palco para receber, e Lauper sempre dizia a mesma coisa: “agradeço pelos vencedores, aos produtores e aos pais deles”. Um ótimo número foi a apresentação de Ben Harper e Charlie Musselwhite, vencedores na categoria de Melhor Álbum de Blues.

A premiação em si foi boa, mas é muito longa e invadiu a madrugada no horário brasileiro. De longe, os dois melhores momentos foram a reunião de Paul McCartney e Ringo Starr para tocar uma música nova de New e o encontro entre Daft Punk, Nile Rodgers, Stevie Wonder e Pharrell Williams no palco. Cheia de samplers e empolgante, foi a melhor coisa na premiação que coorou o bom ano do duo francês formado por Guy-Manuel de Homem-Christo e Thomas Bangalter – eles não precisaram abrir a boca para mostrar como foram geniais para construir Random Access Memories.

Já Lorde, com apenas 17 anos, mostrou que conseguiu chamar atenção dos votantes ao levar dois prêmios, sendo um deles o de Canção do ano pelo hit “Royals”. Para alguém tão jovem e nesse mundo maluco da música (Miley Cyrus e Justin Bieber que o digam), ela parece ser uma moça muito bem preparada para enfrentar todo esse assédio.

Veja a galeria com os melhores gifs da noite

Os momentos mais engraçados da noite foram as coreografias de algumas figuras durante os números musicais. De Steven Tyler a Yoko Ono, não consegui decidir o melhor. O mais constrangedor foi quando anunciaram o Álbum do ano, e Taylor Swift ouviu o “Ra...” e chegou a comemorar, porém Alicia Keys completou “ndom Access Memories, Daft Punk”. Acreditem, ver isso é muito mais hilariante do que eu contando.

Obviamente, ao premiar com justiça Daft Punk e Lorde, os votantes do Grammy mostram que estão atentos com que acontece no mundo da música e estão alinhados com o público. Não houve nenhum grande absurdo ou discrepância na premiação principal – o único erro da transmissão geral foi cortar a apresentação mais esperada da noite (ela reunia Dave Grohl, Josh Homme, Lindsey Buckingham e o Nine Inch Nails). 2013 realmente foi dos dois, com justiça.

Confira os todos os premiados:

Álbum do ano
Random Access Memories - Daft Punk

Canção do ano
"Royals" – Lorde

Artista revelação
Macklemore & Ryan Lewis

Single do ano
"Get Lucky" - Daft Punk e Pharrell

Melhor performance pop de duo ou dupla
"Get Lucky" - Daft Punk e Pharrell

Melhor apresentação pop solo
"Royals" – Lorde

Melhor álbum vocal pop
Unorthodox Jukebox - Bruno Mars

Melhor álbum country
Same Trailer Different Park - Kacey Musgraves

Melhor canção de dance
"Clarity" - Zedd Featuring Foxes

Melhor álbum de música eletrônica/dance
Random Access Memories - Daft Punk

Melhor álbum pop vocal tradicional
To Be Loved - Michael Bublé

Melhor álbum instrumental pop
Steppin' Out - Herb Alpert

Melhor apresentação de rock
"Radioactive" - Imagine Dragons

Melhor apresentação de metal
"God Is Dead?" - Black Sabbath

Melhor canção de rock
"Cut Me Some Slack" - Dave Grohl, Paul McCartney, Krist Novoselic & Pat Smear 

Melhor álbum de rock
Celebration Day - Led Zeppelin

Melhor álbum de música alternativa
Modern Vampires Of The City - Vampire Weekend

Melhor clipe
“Suit & Tie” – Justin Timberlake e Jay Z

Melhor performance de R&B
"Something" - Snarky Puppy With Lalah Hathaway

Melhor performance tradicional de R&B
"Please Come Home" - Gary Clark Jr.

Melhor canção de R&B
"Pusher Love Girl" - James Fauntleroy, Jerome Harmon, Timothy Mosley & Justin Timberlake, songwriters (Justin Timberlake)

Melhor álbum urbano contemporâneo
Unapologetic – Rihanna

Melhor álbum de R&B
Girl On Fire - Alicia Keys

Melhor performance de rap
"Thrift Shop" - Macklemore & Ryan Lewis Featuring Wanz

Melhor colaboração de rap
"Holy Grail" - Jay Z Featuring Justin Timberlake

Melhor canção de rap
"Thrift Shop" - Ben Haggerty & Ryan Lewis, songwriters (Macklemore & Ryan Lewis Featuring Wanz)

Melhor álbum de rap
The Heist - Macklemore & Ryan Lewis

Melhor performance solo country
"Wagon Wheel" - Darius Rucker

Melhor performance country em duo ou grupo
"From This Valley" - The Civil Wars

Melhor canção country
"Merry Go 'Round" - Shane McAnally, Kacey Musgraves & Josh Osborne, compositores (Kacey Musgraves)

Melhor álbum de reggae
Ziggy Marley in Concert – Ziggy Marley

Melhor álbum de blues
Get Up! – Ben Harper e Charlie Musselwhite

Melhor álbum de world music
Savor Flamenco – Gispsy Kings
Live: Singing For Peace Around The World – Ladysmith Black Mambazo

Melhor álbum de new age
Love's River - Laura Sullivan

Melhor álbum improvisado de jazz solo
Orbits - Wayne Shorter

Melhor álbum vocal de jazz
Liquid Spirit - Gregory Porter

Melhor álbum de jazz instrumental
Money Jungle: Provocative In Blue - Terri Lyne Carrington

Melhor álbum conjunto de jazz
Night In Calisia - Randy Brecker, W_odek Pawlik Trio & Kalisz Philharmonic

Melhor álbum latino de jazz
Song For Maura - Paquito D'Rivera And Trio Corrente

Melhor DVD de música
Live Kisses – Paul McCartney

Melhor trilha sonora para cinema
007 - Operação Skyfall – Thomas Newman











Metallica & Lang Lang "One" Grammy Awards 2014 por Bear1966

Veja também:
Melhores do ano - 2013
O fenômeno Beatles
Conheça: Lorde (Nova Zelândia)
Resenha: Lorde – Pure Heroine
Resenha: Daft Punk – Random Access Memories
Premiações: Grammy 2014